Leite de magnésia como desodorante

Mais eficaz, mais saudável, mais barato, menos lixo = amor eterno
Mais eficaz, mais saudável, mais barato, menos lixo = amor eterno

E já que o assunto é receita de vó, vou aproveitar pra contra minha última experiência. Um tempo atrás, uma leitora me perguntou sobre desodorantes naturais, se eu conhecia algum ou já tinha testado algo do tipo. Como não sabia nada a respeito, resolvi pesquisar e encontrei um post no Clube do Cabelo falando sobre o leite de magnésia como uma alternativa aos desodorantes tradicionais. Segundo a Erika, o leite super funcionava e ela trocou definitivamente os desodorantes de mercado pela receitinha do tempo das nossas avós. Curiosa que sou, resolvi testar e, pra variar, receita de vó nunca decepciona…

Mas antes de falar do leite de magnésia, vamos entender melhor como funciona o desodorante/antitranspirante nosso de cada dia.

Para quem não sabe, existe uma diferença entre os dois. O desodorante tem função antisséptica, ou seja, ele impede a proliferação dos microorganismos presentes na superfície da pele e que causam o mal cheiro quando se alimentam das substâncias presente no nosso suor (proteínas, gorduras, hormônios etc). Traduzindo, ele não impede a axila de suar, apenas neutraliza o azedume. Já o antitranspirante (ou antiperspirante) possui uma substância (normalmente um sal de alumínio) que faz com que o corpo não produza suor naquela área. Sem suor, sem comidinha para bactérias, sem fedor. Na teoria é tudo lindo, mas esse é só um lado da história.

O médico Victor Sorrentino (que eu já entrevistei pro EcoD, vale a pena ler aqui) comentou sobre o problema recentemente em suas redes sociais. Segundo ele, o uso do alumínio no dia a dia das pessoas é alvo de críticas médicas há muito tempo. Uma das razões é o fato de que o alumínio deposita-se no cérebro, aumentando o risco de Alzheimer, além de desequilibrar o mecanismo do cálcio nos ossos, o que aumenta o risco de osteoporose. Além disso, diversos estudos já associaram a absorção dos sais de alumínio dos antitranspirantes ao aumento do risco de câncer de mama.

Outro problema citado pelo médico é a presença de parabeno em quase todos os cosméticos e produtos de higiene corporal (incluindo o desodorante que você passa três vezes por dia no seu corpo, todos os dias). “Um estudo detalhado das mulheres com câncer de mama, publicado na edição de janeiro de 2012 no Journal of Applied Technology, encontrou parabenos em quase 100% dos tumores cancerosos de mama analisados”, disse o médico. Tá bom? Não? Quer mais? Então saiba que essa substância pode causar uma perturbação do sistema endócrino, ou seja, desequilibrar a produção de hormônios do corpo. Bom, como afirmou o próprio Dr. Victor, “não existe consenso ainda sobre o assunto no meio científico, mas eu prefiro evitar tudo que posso de toxinas”.

Dito isso, voltemos então ao leite de magnésia. Por ser uma base (mistura de hidróxido de magnésio com água), ele é capaz de neutralizar os ácidos carboxílicos que compõem o suor e, com isso, evitar o mau cheiro (quem perdeu a aula de química, lembra aqui). Ou seja, ele não evita o suor, apenas o cc. Para facilitar a aplicação, eu aproveitei uma embalagem vazia de um desodorante roll-on, tirei a bolinha e lavei bem por dentro, depois coloquei o leite de magnésia no lugar.

Na hora de usar é só secar bem as axilas, sacudir um pouco o produto na embalagem e passar como um desodorante normal. Eu e meu irmão estamos usando há mais de uma semana e só temos elogios a fazer. Além de eficiente, ele não é tóxico, não me deixa sufocada (o antitranspirante em aerossol que eu costumava usar me deixava asfixiada, eu tinha que segurar a respiração, passar, sair correndo do banheiro e fechar a porta pra poder respirar, era um horror) e rende uma eternidade (o que diminui os gastos com desodorante e a quantidade de lixo no planeta).

Disfarçado de desodorante tradicional
Disfarçado de desodorante tradicional

Ainda segundo as receitas de vó, além de ser um aliado das axilas e do intestino (dãa), o leite de magnésia também é ótimo para a pele. Dizem que reduz a oleosidade, ajuda a clarear manchas e funciona até como primer (apesar disso ser novidade, já que primer ainda não tinha sido inventado na época de nossas vovós)! Enfim, mais um produtinho eficiente, com mil e uma utilidades e que ganhou um espaço definitivo no meu coração. <3

Comentários

comentários

9 Replies to “Leite de magnésia como desodorante”

  1. […] segundo é que, como já contei aqui, desodorantes tradicionais (feitos com alumínio) podem ser um perigo para a nossa saúde. […]

  2. O problema é que até o leite de magnesia contém parabenos, aí fica difícil agora…

    1. Oi, Fabi! O leite de magnésia é composto por hidróxido de magnésio e água. Pode ficar tranquila que não tem parabeno não. ;)

  3. Ola! Faz um tempinho que estou usando e tambem estou amando o leite de magnesia como desodorante. Um sugestao: colocar em uma garrafinha spray, assim evita o contato com a pele e possivel contaminacao do conteudo do potinho roll on.

  4. Comecei a usar o leite de magnesia a três dias estou gostando eu usei de dois geito puro e com talco fica bom os dois mas prefiro ele puro.

  5. Muito bom esse artigo, parabéns! Meu filho tem um probleminha com cc e vou fazer o teste com o produto! Obrigada pelos esclarecimentos. Abraço.

  6. o leite de magnésio não deva ser aplicado puro e sim com água

  7. Oi gente eu sofro muito com CC eu tomo banho lavo bem as axila mas depois de um tempinho fico com o cheirinho desagradav já mudei de desodorante varias vezes mas não adianta comprei o leite de magnecia vou usar pura pra ver
    Gente o leite de magnésia funciona MSM?

  8. Tive sérios problemas com antitranspirantes e minha filha fez uma busca pra resolver meu problema. E descobriu o Leite de Magnésia então resolvi fazer o teste e é ÓTIMO não deixa dar cc ,não mancha as roupas e da uma segurança total. Uso puro numa embalagem de roll-on.

Deixe uma resposta